imagem de um professora negra em sala de aula com um livro aberto nas mãos

O que são práticas pedagógicas?

Se você está interessado no curso de Pedagogia, certamente vai estudar e aprender mito sobre as Práticas Pedagógicas. De qualquer forma, preparamos esse texto com todas as informações que você precisa sobre o assunto.

 

O que são Práticas Pedagógicas?

Primeiramente, é preciso entender o conceito de práticas pedagógicas.

Podemos dizer que essas práticas são as técnicas que o Pedagogo utiliza para aperfeiçoar a aprendizagem de seus alunos, fazendo com que esse processo seja mais eficiente.

É importante destacar que, para que essas práticas sejam realmente eficazes, deve-se inicialmente pensar a respeito de qual será o objetivo final delas, e somente então aplicá-las. Algumas dicas que podemos passar de antemão são: faça uso de todo tipo de tecnologia que tiver disponível; incentive que seus alunos sejam personagens principais em seu próprio aprendizado e que também compartilhem o que aprenderam entre si; e crie momentos de socialização; trabalhe com a interdisciplinaridade.

 

Exemplos de Práticas Pedagógicas

Então, para te ajudar a entender melhor esse assunto, separamos alguns exemplos de práticas que podem ser usados em sala de aula. Confira:

 

Socialização

Nesse exemplo de prática pedagógica, a sugestão é que a instituição de ensino ofereça e valorize atividades que promovam interação e colaboração entre os alunos sem o uso de tecnologias, como celulares e computadores. Afinal, a escola desempenha um importante papal no desenvolvimento cognitivo e social do aluno.

 

Educação digitalizada

Utilizar a tecnologia a favor da educação pode ser uma prática pedagógica atraente.

Nesse sentido, o professor pode fazer uso de atividades lúdicas e criativas, como os jogos educativos, que podem ser grandes aliados da aprendizagem.

 

Protagonismo do aluno

A ideia de ter o aluno como protagonista do ensino, significa promover metodologias que o façam assumir o papel de construtor e condutor do próprio processo de aprendizagem. Isto é, suas opiniões e impressões precisam ser levadas em consideração para as ações da escola e para a condução de uma aula.

Para que esse protagonismo de fato ocorra, é preciso que exista uma flexibilidade e a colaboração entre aluno e professor.

 

Interdisciplinaridade

Essa proposta pedagógica proporciona ao aluno um aprendizado mais eficiente. Em resumo, a interdisciplinaridade na educação pode ser vista como uma maneira de criar um processo de integração dos conteúdos de uma disciplina com outras áreas do conhecimento.

Acompanhamento dos alunos com dificuldade de aprendizagem

Durante as aulas, pode-se planejar atividades para oferecer aos alunos com mais dificuldades, oportunidades diferentes de aprendizagem. Essa prática precisa ser feita de forma sistemática, periódica e constante.

 

Conscientização

Nessa prática, os professores podem aproveitar de datas especiais para trabalhar a conscientização de alguns temas com os estudantes, como por exemplo, o dia da água, da árvore, da Consciência Negra e outros.

O bullying, por exemplo, é um assunto bastante polêmico, mas que precisa ser trabalhado pelas instituições de ensino. A data 20 de outubro é o Dia Mundial do Combate ao Bullying. Pode-se aproveitar essa data para criar uma prática de conscientização e prevenção.

 

Incentivo à leitura

Essa é uma das práticas mais conhecidas e mais importantes de se adotar em uma instituição de ensino. A nossa dica é que esse seja um exercício constante, com diferentes tipos de textos como, histórias em quadrinho, notícias, cartas, dentre outros.

 

Aprendizagem compartilhada

A aprendizagem compartilhada busca a estimulação dos processos de ensino em pares. Nessa prática, os alunos têm a oportunidade de ensinar algo aos colegas. Com esse exercício é possível construir um ambiente mais acolhedor e colaborativo, onde ocorre troca de experiências e conhecimentos.

 

Integrações culturais

As integrações culturais são importantes para os alunos e toda comunidade escolar. Essa prática faz com que todos conheçam e respeitem as diferenças culturais existentes dentro e fora da escola.

Para isso, é possível promover atividades como pesquisas, entrevistas, apresentações artísticas, dentre outros.

 

Mão na massa

Não importa a idade do aluno, é mais fácil aprender fazer, do que escutando. Para promover essa prática, proponha experimentos. O importante é que os alunos consigam assimilar o conteúdo da forma mais concreta e palpável.

Então, se você gostou dos exemplos de práticas pedagógicas propostas e quer saber mais, pode começar o curso de pedagogia a distância.

 

Curso de Pedagogia

Por fim, se você tem interesse nesse tema, o curso de Pedagogia ead é o ideal para você.

A graduação em pedagogia a distância tem duração mínima de quatro anos, tempo definido pelo Ministério da Educação (MEC). Durante esses anos de formação nessa licenciatura, você vai aprender a como criar e implementar práticas pedagógicas, com o objetivo de melhorar o processo de aprendizagem dos alunos, além de todos os conteúdos necessários para a prática da profissão.

Na faculdade de pedagogia, o aluno terá acesso a teoria e prática necessários para se tornar um profissional apto a desempenhar suas funções e ter destaque no mercado de trabalho. Ele também passará por provas, trabalhos, projetos, estágio supervisionado e Trabalho de Conclusão de Curso (TCC).